Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Maripossa

02
Jan09

Para Esclarecer

maripossa


Como vamos começar novo ano nada melhor que colocar a escrita em dia.Como tinha dito anteriormente,tenho outros blogs no servidor sapo, pois eles foram os primeiros desde que comecei a ter blogs,no princípio foi por uma brincadeira apenas,depois gostei e continuei.Como gosto de escrever e por vezes as coisa que sai do coração nada melhor que isto,tento não dizer mal de ninguém nem copiar palavras dos outros! Ou seja poemas e afins,desde que os mesmos tenham o nome de seu de seu dono por direito.Como tinha dito um blog me roubou um poema meu feito por mim, não admito que outros levem os louvores,quando o mesmo é meu.Como não quero que pensem que estou a falar errado,me dei ao trabalho de tirar a foto e o respectivo poema onde podem ler e ver o que lá está escrito e depois fazerem a comparação. Pois eu até foi a esse blog comentar para agradeçer a visita feita ao meu! quando vejo o post feito? bem andei para cair para o lado,por menos deviam ter colocado o nome,mas não? O escreveram como fosse seu,logo de seguida vou lá e deixo o meu comentário,mas com o nome de outro servidor,nem se deram ao cuidado de o colocar no blog,com medo das palavras! podiam,eu cá tenho dignidade e coragem e aqui estou para responder aos ataques que são feitos,pois se assim não for fecho de vez.

Este é o meu poema e quem quiser ver pode fazer

Terça-feira, 18 de Novembro de 2008

MInha Liberdade é Plena

Minha liberdade é plena
Minha alegria é a vida
Felicidade e brilho no olhar
Amor ternura, no coração

Não gosto de cativeiros, prisões
Sou como as gaivotas livres
Que gostam de praias e ondas!
Vagueiam, descansam, e voam

Pensam e partilham seu espaço
Que rasgam nuvens, e céus livres!
Sempre esperando regressar, partilhar
O sol e o espaço de voar!....



Lisa

http://marsereno.blogs.sapo.pt/53710.html

Este é o meu poema mas noutra versão de blog!


Domingo, 21 de Dezembro de 2009

Minha liberdade é plena


Minha alegria é a vida

Felicidade e brilho no olhar

Amor ternura, no coração

Não gosto de cativeiros, prisões

Sou como as gaivotas livres

Que gostam de praias e ondas!

Vagueiam, descansam, e voam

Pensam e partilham seu espaço

Que rasgam nuvens, e céus livres...



By Zita
Publicada por Espaços abertos.. em 12/21/2008 10:15:00 PM 18 comentários
-------------------------------
Como podem ver aqui está o que não gostei,nunca fiz a ninguém isto portanto tenham dó? Maria Elisa
---------------------
Ontem foi ver o dito blog,e o mesmo poema foi alterado... mas para quem não for cego,pode ver e conjugar as palavras.Obrigado por lerem,como sou pessoa de palavra,não levo para casa o que a minha alma e liberdade pensa.Lisa

16 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D