Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Maripossa

31
Mar08

Palavras dos Outros

maripossa

A ambição envenenou a alma dos homens, ergueu um muro de ódio ao redor do mundo, nos atirou dentro da miséria e também do ódio.

Desenvolvemos a velocidade mas nos fechamos em nós mesmos.

As máquinas que trouxeram mudanças nos deixaram desamparados.
Nossos conhecimentos nos deixaram cínicos.
Nossa inteligência nos deixou duros e impiedosos.
Nós pensamos demais e sentinos muito pouco.

Mais do que maquinaria, nós precisamos de humanidade.
Mais do que inteligência, precisamos de bondade e compreensão.
Sem estas qualidades a vida será violenta e estaremos todos perdidos.

O aeroplano e o rádio nos aproximam, e a própria natureza destes inventos demonstram a divindade do homem.

Exige uma fraternidade universal para a unidade de todos nós.


Charles Chaplin

 

31
Mar08

A Janela

maripossa

Aprendi que se aprende errando. Que crescer não significa fazer aniversário. Que o silêncio é a melhor resposta, quando se ouve uma bobagem. Que trabalhar não significa só ganhar dinheiro. Que amigos a gente conquista mostrando o que somos. Que os verdadeiros amigos sempre ficam com você até o fim. Que a maldade se esconde atrás de uma bela face. Que não se espera a felicidade chegar, mas se procura por ela. Que quando penso saber de tudo, ainda não aprendi nada. Que a natureza é a coisa mais bela na vida. Que amar significa se dar por inteiro.
desconhecido

A paixão é uma centelha transformada em fogo;o amor é uma chama continuamente alimentada.
A paixão é fácil,mas esvazia;o amor é difícil,mas sacia.


Valério Albisetti


Rabiscado por Agulheta
28
Mar08

Frase de Valores

maripossa

Sem a cultura, e a liberdade relativa que ela pressupõe, a sociedade, por mais perfeita que seja, não passa de uma selva. É por isso que toda a criação autêntica é um dom para o futuro.

Albert Camus


Com esta frase verdadeira de este filosofo,serviria para alguma sociedade que pouco ou nada sabe dos seus direitos,mas acima de tudo respeitar os outros... Aprender com a cultura.

Rabiscado por Agulheta
28
Mar08

Bom Fim Semana

maripossa

 

 

As palavras são como as cerejas, os amigos bens preciosos. Como ao longo deste tempo,conheci amigos bons a fabulosos aqui neste espaço,só poderei oferecer aquilo que gosto,flores e amizade, este malmequer representa o amarelo da amizade e o verde da esperança que deve reinar nos corações,dos homems( mulheres) de igual,pois só assim temos um mundo mais livre mais humano e mais fraterno.

Bom fim semana Lisa

28
Mar08

Palavras só!!!

maripossa

Nestes últimos dias,só se fala em violência,nas escolas em casa em lares,nas ruas! E começo a pensar em que mundo vivemos,um salve-se quem o poder fazer,pois ele não está para fracos,mas sim para fortes,mas pergunto a mim mesmo? fortes de quê... pela forma de agirem para com o seu semelhante,agridem os pais os educadores" professores" mas onde vamos parar se não se põe travão a estes disparates do dia a dia.
Pois sou mãe de flhos,agora um pouco crescidos mas em minha casa eu soube impor a minhas regras e educação,não os filhos a faze-las,tenhem que ouvir o dizer não,para que não venham sofrer um dia.
Disparate que o professor não pode dizer um não! aqui faço um interregno,pois ele faz parte da educação,mas a mesma deve ser ensinada de casa,nunca deixar passar uma pequena coisa que seja,para ninguém se arrepender amanhã.
Bater sou contra as leis do antigamente,mas bastam as palavras de boa educação mas a má está lá e a  conduta,esta lei serviria para os dois lados alunos e professores,se a regra é estar com atençaõ as aulas,é para estar se não devem levar telemovel e para comprir,ou então que o coloquem  no bolso e depois das aulas podem desfrutar desse prazer,mas nunca dentro de um espaço onde se aprende,isto faz parte do respeito,de cidadania.
Como podem pais deixar andar crianças...pois eu digo crianças de 14 e 15 anos nas ruas até altas horas da madrugada,pelas ruas sem saberem o que os filhos fazem,pois eu não dormiria sosegado sem saber onde andavam,depois vem a desculpa,aí meu deus o que foi acontecer? Quando forem responsaveis sim, com idade para pensar,antes não é um perigo no tempo que anda

Maripossa

27
Mar08

Dia do Teatro

maripossa

Palmira Bastos

Maria da Conceição Martinez de Sousa Bastos ou Palmira Bastos como era conhecida (Aldeia Gavinha, 30 de Maio de 1875 - Lisboa, 10 de Maio de 1967), foi uma das mais conhecidas actrizes portuguesas.

Palmira Bastos foi a terceira filha de um casal de artistas de teatro espanhóis que trabalhavam numa companhia ambulante. Casou com o empres á rio Sousa Bastos em 1894.

A sua estreia como actriz deu-se em 18 de Julho de 1890 com a peça O Reino das Mulheres de E. Blum no Teatro da Rua dos Condes. Esta estreia, foi o início de uma longa carreira de 75 anos de dedicação ao teatro, que terminou com a sua participação na peça O ciclone em 15 de Dezembro de 1966.

Distinguiu-se com as suas representações em diversos estilos (drama, comédia, opereta e revista). Participou ainda no filme mudo O Destino em 1922.

Representou no Teatro Nacional de D. Maria II, Companhia Amélia Rey Colaço -Robles Monteiro

Fonte Wikipedia

 

Alem deste grande nome que muito engrandeceu o teatro em Portugal, nomes como sendo, Maria Matos -Vasco Santana- Ruy de Carvalho-Eunice Munoz- Cámem Dolores -Rogério Paulo- Varela Silva! e tantos outros um pouco esquecidos, pois o Teatro levado em cena, é mais representado na Capital e Porto, ficando a Província limitada a ver boas peças de teatro, a qual deveria ser mostrado para criar  hábitos na juventude de o ver.
A própria televisão pública deveria exibir uma vez por semana uma peça de teatro, mesmo sendo antiga, pois tenho a certeza que seria vista com bons olhos, e nada de coisas sem pés nem cabeça, só para as audiências e lutas de Tv para Tv ,para isso os portugueses pagam a sua taxa? não era mas agora torna a ser! eis a questão...

Temos de ver teatro mesmo sendo na TV para que os artistas do nosso país, não andem à mingua, pois devem apresentar a sua arte, aquela que seu coração ditou um dia, para animar e fazer rir ou chorar de emoção aqueles que são sensíveis para esta arte, neste dia do teatro, que ele seja ensinado nas escolas, e até quem sabe em lares, para alegrar e dar um pouco de alento aqueles que são là colocados, como sendo fardo... para que sua vida seja mais risonha e um dia morram felizes e contentes, como diria. AMÉLIA REY COLAÇO ao bater com a bengala!!! as Árvores morrem de pé..

Viva o Teatro palmas para ele.

maripossa

26
Mar08

Vinho Tinto

maripossa

A vida nos traz inesperadamente amigos sensacionais.
Amigos de verão, amigos de internet, amigos de fins de semanas e outros...
Mas você apareceu inesperadamente pensei que fosse mais uma amizade, mas você se mostrou singular com isso eu não pode resistir a sua doçura,a meiguice e todas as outras qualidades infinitas que você tem.
Nossa amizade é que nem vinho tinto quanto mais velho fica melhor é te adoro amigo tinto!
26
Mar08

Sensibilidade e Maturidade

maripossa

Uma certa vivacidade de impressões, mais directamente dependentes da sensibilidade física, decresce com a idade. Ao chegar aqui, e sobretudo depois de ter aqui passado alguns dias, não senti, desta vez, essas vagas de tristeza ou de entusiasmo que este local me costumava comunicar, e cuja recordação, depois, me era tão doce.
Deixá-lo-ei, se calhar, sem a pena que outrora sentia. O meu espírito, por seu turno, tem hoje uma segurança muito maior, uma maior capacidade de fazer associações e de se exprimir; a inteligência cresceu, mas a alma perdeu parte da sua elasticidade e irritabilidade. E porque é que, ao fim e ao cabo, não partilhará o homem o destino comum de todos os outros seres?
Ao pegarmos num fruto delicioso, será justo pretender respirar ao mesmo tempo o perfume da flor? Foi preciso passar pela subtil delicadeza da nossa sensibilidade juvenil para chegar a esta segurança e maturidade do espírito. Talvez os grandes homens - é o que eu penso - sejam aqueles que, numa idade em que a inteligência possui já a sua plena força, ainda conservam parte dessa impetuosidade das impressões, que é própria da juventude.

Eugène Delacroix

24
Mar08

Faz Anos... Para Lembrar

maripossa

Óscar Arnulfo Romero Galdámez , conhecido como Monsenhor Romero, (Ciudad Barrios, San Miguel, 15 de agosto de 1917 — San Salvador, 24 de março de 1980) foi um sacerdote católico salvadorenho, quarto arcebispo metropoliano de San Salvador (1977-1980).

Escolhido como arcebispo por seu conservadorismo, uma vez nomeado aderiu à Teologia da Libertação e à não-violência, posição que o levou a ser comparado ao Mahatma Gandhi e a Martin Luther King.

Como arcebispo, Óscar Romero denunciava, em suas homilias dominicais, as numerosas violações de direitos humanos em El Salvador e manifestou publicamente sua solidaridade com as vítimas da violência política, no contexto da Guerra Civil de El Salvador.[1] Dentro da Igreja Católica defendia a "opção preferencial pelos pobres". Na homilia de 11 de novembro de 1977, Monsenhor Romero afirmou: "A missão da Igreja é identificar-se com os pobres. Assim a Igreja encontra sua salvação."
Óscar Romero foi assassinado por um atirador de elite do exército salvadorenho, enquanto celebrava a missa. Sua morte provocou uma onda protestos em todo o mundo e pressões internacionais por reformas, em El Salvador.

Foi declarado servo de Deus pelo Papa João Paulo II.

Rabiscado por Agulheta
24
Mar08

A IDADE DE SER FELIZ

maripossa

Existe somente uma idade para a gente ser feliz, somente uma época na vida de cada pessoa em que é possível sonhar e fazer planos e ter energia bastante para realizá-los a despeito de todas as dificuldades e obstáculos.
Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente e desfrutar tudo com toda intensidade sem medo nem culpa de sentir prazer.
Fase dourada em que a gente pode criar e recriar a vida à nossa própria imagem e semelhança e vestir-se com todas as cores e experimentar todos os sabores e entregar-se a todos os amores sem preconceito nem pudor.
Tempo de entusiasmo e coragem em que todo desafio é mais um convite à luta que a gente enfrenta com toda disposição de tentar algo NOVO, de NOVO e de NOVO, e quantas vezes for preciso.
Essa idade tão fugaz na vida da gente chama-se PRESENTE e tem a duração do instante que passa.


Mario Quintana

 

 

Pág. 1/4

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D