Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Outono

Aquela nuvem cinzenta, punha uma luz nevoenta no dia húmido e frio

No chão molhado da estrada, ficara, leve, marcada

a impressão dos teus passos....

 

Sentia que me invadia, da vida que se perdia

o mais mortal dos cansaços...

Como a árvore, na turva luz que se apaga, recolhe a seiva e dormita.

Assim minha alma cansada, já nem sequer era aflita;

nem esperava

Nem desejava...

 

Olhava...

 

Apenas viviam meus olhos tristes e lassos.

No chão molhado da estrada

ficara, leve, marcada

A impressão dos teus passos...

 

Francisco Bugalho

 

12 comentários

Comentar post