Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Acordar de Maio

Nesta manhã de Maio, todo ela é cinzento, sem sol por vezes um pouco de chuva, nos dá um pouco de nostalgia.

Pois gosto de ver as manhãs de Maio,já de sol forte e quente e já os lavradores a tratar da vinha, pois ela vai dando os seu rebentos.Hoje acordei cedo, abri as janelas da traseira da casa e olho as montanhas, respiro e sinto a natureza em minha volta, ao longe o parque éolico,onde as ventoinhas trabalham para a energia, isto é o sinal dos tempos neste despertar da manhã. Na rua já se sente alguma azafama pois é dia de feira semanal, toca a sair para a rua que se faz tarde, depois de passar no mercado...ou seja a feira, onde as lavradeiras vindas das aldeias próximas e limítrofes da cidade, expõe os seus produtos para quem quer comprar,aí se compra as hortaliças da terra e frutos, e outras coisas, alfaias agrícolas para quem tem de tratar do campo.

Gosto de ir neste dia a feira, muitas vezes só para apreciar, pois a Cidade está bem servida, de áreas grandes de compras, se calhar até demais, pois por aqui existe bastante desemprego e a vida de alguns se sente, pois a terra tinha muita industria, mas como muita coisa tem fechado, se vai sentindo a crise, e neste dia senti, o acordar nesta manhã de Maio.

Lisa

20 comentários

Comentar post