Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Começar

24.07.07, maripossa













Começar pois este vai ser das minhas experiências como profisional,que foi dos Bombeiros das minhas lembranças e anceios,de momentos pasados em combate ao fogo,este será o blog
Mar de Chamas





Vamos Proteger a Natureza

23.07.07, maripossa

 

 

 

 

Este selo que hoje coloco neste blog,me foi oferecido pela amiga.

http ://luz_cintilante.blogs.sapo/"  pois tenho muito respeito pela mesma, e todos nós a devemos proteger se quisermos ter um Mundo melhor para todos nós, principalmente para os filhos e netos.

Pois neste altura,talves por motivo de menos calor, as chamas ainda não atingiram as nossas florestas, pois devemos de lhe dar muita atenção, limpar não deixar as ervas crescerem e secarem, junto as habitações onde muitas vezes uma mão traiçoeira lhe chega o lume, depois vem a desgraça muita gente sem nada, casas animais e principalmente vidas humanas, pois no verão passado foram algumas, vamos esperar que este verão?..se vier, as pessoas que tenham cuidado, para que não aconteça aquilo que costumamos ver, olhos em lágrimas pelos bens perdidos, de anos de trabalho e ver um camarada morto ali queimado.

Sobre o lixo será outra coisa, pois não custa fazer, depois de um belo Pic-nic em familia,meter o lixo num saquinho e voltar a trazer para o colocar no seu devido lugar, andar mais a pé, não deixar o carro, em cima do passeio pois ele não pode entrar dentro da loja, os passeios são para os piões, que muitas vezes estão ocupados por pessoas distraídas !.será, e os deficientes em cadeiras de rodas, que se esbarram nas latas "Carros"que estão lamentavelmente nos passeios, como poderão subir para os mesmos.

Pois se todos forem cidadãos de corpo inteiro e de responsabilidade, este nosso Portugal vamos ter orgulho nele, e legar o mesmo para os filhos e netos.

maripossa

Cultura de Paz

22.07.07, maripossa

Cultura de Paz: A ONU definiu o conjunto de valores, atitudes, tradições, comportamentos e estilos de vida associados à cultura de paz na Declaração e Programa de Ação sobre uma Cultura de Paz, divulgada em 13 de setembro de 1999. Diversas instituições em todo o mundo aderiram a esta declaração e se empenham na concretização destes ideais.

Uma Cultura de Paz é um conjunto de valores, atitudes, tradições, comportamentos e estilos de vida baseados:

No respeito à vida, no fim da violência e na promoção e prática da não-violência por meio da educação, do diálogo e da cooperação;
No pleno respeito aos princípios de soberania, integridade territorial e independência política dos Estados e de não ingerência nos assuntos que são, essencialmente, de jurisdição interna dos Estados, em conformidade com a Carta das Nações Unidas e o direito internacional;
No pleno respeito e na promoção de todos os direitos humanos e liberdades fundamentais; No compromisso com a solução pacífica dos conflitos;
Nos esforços para satisfazer as necessidades de desenvolvimento e proteção do meio-ambiente para as gerações presente e futuras;
No respeito e promoção do direito ao desenvolvimento;
No respeito e fomento à igualdade de direitos e oportunidades de mulheres e homens;
No respeito e fomento ao direito de todas as pessoas à liberdade de expressão, opinião e informação;
Na adesão aos princípios de liberdade, justiça, democracia, tolerância, solidariedade, cooperação, pluralismo, diversidade cultural, diálogo e entendimento em todos os níveis da sociedade e entre as nações; e animados por uma atmosfera nacional e internacional que favoreça a paz.” 


 Fonte wikipédia

 

Eu Sou um Soldado da Paz isso me honra muito, a farda que visto por ser azul algém achou que era giro ter vermelho,mas eu continuo a ver só azul em meus olhos

maripossa

Dia do Amigo

20.07.07, maripossa

 

 

Estas Rosas que hoje coloco aqui neste blog, são as pétalas dos amigos, que por aqui passam que deixam mensagens de carinho, umas vindas de outras paragens, atravessando Oceanos, mas que chegam ao coração, de lindas palavras de carinho amizade, para todos vós que hoje é o dia do amigo, aqui postado todo o carinho amizade da amiga maripossa, num abraço fraterno que um dia nos possamos encontrar, quem sabe num grande encontro de blogistas, de todos os lados.

 

 

De todos os meus blog amizade neste dia de amigo

 

 

 

Dança Maxixe

20.07.07, maripossa

O Maxixe (também foi conhecido por Tango brasileiro) é uma dança de casal brasileira que esteve em moda entre o fim do século XIX e o início do século XX. Dançava-se acompanhada da forma musical do mesmo nome, contemporânea da polca e dos princípios do choro e que contou com compositores como Ernesto Nazareth e Patápio Silva. Mas o maior nome na composição de maxixes foi, sem dúvida, o da maestrina Chiquinha Gonzaga.

Teve a sua origem no Rio de Janeiro na década de 1870, mais ou menos quando o tango também dava os seus primeiros passos na Argentina e no Uruguai, do qual sofreria algumas influências. Dançada a um ritmo rápido de 2/4, notam-se também influências do lundu, das polcas e das habaneras.

Tal como o tango, este estilo foi também exportado para a Europa e Estados Unidos da América, no início do século XX.

O samba e a lambada são dois exemplos de danças que devem algumas contribuições de estilo ao Maxixe.


Nos fins do século XIX, costumava-se designar como samba as festas de dança de negros escravos. Foi nessa época que começaram a se tornar tradicionais as reuniões nas casas das velhas baianas que haviam emigrado para o Distrito Federal

O maxixe foi o primeira,tipo de dança urbana surgida no brasil! Era dançado em locais,que não atendiam a mooral e bons custumes da época,como em forrós,gafieiras da cidade,por volta 1875.

Homems de classes mais previlegiadas frequentavam esses bailes e gafieiras,em busca da sensualidade das danças africanas.

Os pares enlaçam-se pelas pernas e braços,apoiando-se na testa,de tal maneira que lhe valeu o título de escandalosa e excomungada. Foi perseguida pela policía,igreja,chefes de familía.

Para que pudessem ser tocadas em casa de familía,as partituras de maxixe traziam o imprópio nome de "Tango Brasileiro"

Foto tirada da Net/se for de algém sera retirada

As Sete Maravilhas do Meu Mundo

19.07.07, maripossa

Desafiada pela amiga do blog http://cindamoledo.blogs.sapo/ para,as sete maravilhas do meu mundo,pois eu mesmo vou responder,que este meu Mundo será mais o meu mundo de amor.

 

1º Os meus filhos.

Saõ a razão da minha vida,bons filhos que sempre me deram alegrias

 

Os meus netos

O João e Mariana,duas coisas lindas o meu orgulho,na esperança de um futuro melhor,de uma familía unida.

 

3ºO meu Amor

Aquele que sempre amei,desde criança,aqui está ele com um pouco de cabelos brancos,mas unidos no mesmo Amor.

 

4º Os Bombeiros.

A causa que jurei defender,em prol da própria vida,que Deus me ajude a ajudar.

 

 

5º A natureza.

Onde se ecluiu,a água,os animais o bem estar de todos nós,proteção das florestas,tudo que as rodeia.

 

 

6º A defesa das crianças.

Defender as crianças,seus direitos nas sociedades modernas,as pessoas de idade contra as guerras,das humilhações pelos ditadores.

 

7º Os meus Pais.

Para eles onde eles estiverem,sempre olharão por mim,a eles tudo lhe devo por o ser humano que sou,pelos valores ensinados,para ajudar aqui estarei presente.

para vós Pai e Mãe,o meu doçe e terno beijo da vossa filha. Elisa

 

 

Agora os amigos que gostarem deste desafio podem continuar,pois sabem que gosto de vós todos,podem fazer á vontade e passar passar,não dizerei qual mas vós entendem,esta minha opinião.

Obrigado á Cinda pelo carinho,a todos os que me visatam,de igual forma eu deixo a minha amizade,carinho.

maripossa

Julho 18-2007

18.07.07, maripossa

 

 

 

 

 

Neste dia 18 de Julho de 07 triste dia para o Povo Brasileiro e português pela morte de tanta gente, onde um piloto de uma aeronave não conseguiu dominar o avião, vindo o mesmo a despenhar-se na pista e em cima de uma bomba de combustível, fazendo estas mortes, porque os mesmos são construídos, junto a habitações e não em sítios onde pudesse haver menos estrago, principalmente vida humanas, pois só essas são valiosas.

Pois isto, me deu transtorno de pensamento, pois como ao longo de uma grande parte da minha vida, venho sendo treinada para ajudar, salvar a dar a vida se necessário me causa tristeza, amargura!.. Sim pois morrer queimado de uma dor sem limite, inflismente tenho trazido dentro da viatura alguém, que já nada se pode fazer.

Pois hoje ao ver pela TV as chamas, me deu uma tristeza e fez recordar, em 1990 termos um inferno no género, nada que se assemelhe a isto, quando num incêndio numa pirotecnia onde as chamas eram enormes, os paióis a rebentar, nós ali a mercê do fogo grande e destruidor, que não tem pena de ninguém tudo leva em frente éclusive vidas humanas, nada podendo fazer por elas, sem as poder buscar a força do fogo, se calhar poucas serão que não sabem o que é sofrer de verdade, nestas situações onde as lágrimas caem no rosto, se junta raiva e vontade de revolta, mas permaneci firme! Sofrendo, pedindo a Deus ajuda, para poder ajudar, força para depois apanhar os estragos causados, pelo fogo sem fraquejar das pernas, fazendo-se forte mas sofrendo demais, ainda hoje presente, mas sei que nada se deu ao acaso, em algum lugar onde estes seres humanos vítimas deste sofrimento letal que é o fogo, algem com suas asas e sua mesiricordia os vai receber.

Por muitas passagens em minha vida tenho orgulho no que fiz e farei enquanto poder, ao Povo irmão Brasil nesta hora de luto Nacional, os pêsames deste blog uma Rosa branca de Paz em suas almas

maripossa

Samba de Gafieira

17.07.07, maripossa

Gafieira é o local onde tradicionalmente dançam-se as danças de casal (danças de salão). A gafieira mais tradicional no Rio de Janeiro é a Estudantina, muito famosa por ter sido o berço dessa cultura, além de ter recebido milhares de dançarinos. Ainda hoje, é possível fazer essa visita ao passado, resgatando o passado e a cultura boêmia carioca.

É uma das formas mais tradicionais de se dançar. Tem sua origem nas gafieiras e ganhou bastante divulgação no final da década de 80 quando começou a ser mais divulgada pela televisão em tramas de novelas e programas de auditório. O Samba de Gafieira ainda é popular hoje em dia, sendo ensinado pelo país nas escolas e nas festas juninas.

A Dança de Salão, no seu formato original é composta por três ritmos principais:

O Samba, que mantém algumas características do samba de gafieira e incorporou novos estilos e figuras podendo ser dançado em pagodes, bossa nova ou samba rock.

O Bolero, que é mais tranqüilo, também recebeu um novo formato com mais giros e pode ser dançado também em músicas atuais como MPB e baladas.

O Soltinho, que é um gênero muito divertido e é a mistura de alguns ritmos como swing, fox e outros, também pode ser praticado em uma grande variedade de estilos musicais.

É uma ótima combinação para quem deseja começar a dançar.

Fonte wikipédia


 

Foto tirada da net/se for de algem será retirada

Frases

13.07.07, maripossa

Para acabar este fim de semana,para desejar a todos os meus amigos que ele seja um optimo fim de semana!..Não poderemos passar sem admirar esta frase do nosso grande Poeta que sempre marcou a vida dos Portuguêses,pela leitura e não só,vamos todos meditar nela pois passados muitos anos ela estará sempre presente,no coração dos verdadeiros amigos e solidários.

 

Os bons vi sempre passar
No mundo grandes tormentos;
E para mais me espantar
Os maus vi sempre nadar
Em mar de contentamento.

Para terminar esta frase,eu daria uma flor,para ser plantada no coração dos homems de boa vontade,não posso dar pão porque nem só de pão vive o homem.

O Músico de Auschwitz

13.07.07, maripossa

Em Jerusalém
encontrei um homem
que tocava violino em Auschwitz.
Tocava numa orquestra
acompanhando os que iam morrer
no fogo crematório.

 

Hojé é engenheiro,
ilumina cidades do mundo inteiro,
inclusive os muros da Cidade Santa.

Não lhe perguntei que música tocava.
No seu braço o número - 121097, de prisioneiro.
Não lhe perguntei que música tocava.
Perguntei-lhe se ainda tocava.
Sim, ele tocava.

 

 

 


Affonso Romano de Sant Anna