Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Em Amizade... Bom fim Semana

04.01.08, maripossa

Eu contente, eu diferente, eu triste, mas sempre sorridente...
Eu, uma menina assim...com amigos especiais, amigos de horas, amigos de anos...
Amigos que estão longe mas estão do meu lado, todos diferentes... mas do seu jeito...
Jeito largado, jeito meigo, jeito diferente mas todos amigos.
Amigo é quem anima, quem ajuda... que está ao meu lado...
mas amigo de verdade...
ai, ai, amigo faz chorar, faz sofrer, faz brigar...
Quem são meus amigos? Todos são amigos... uns falam a verdade...
outros a mentira, mas sempre têm algo a dizer...
Na verdade amigo e aquele que está ao meu lado, é sincero
e sempre tem um jeito de me alegrar!
Amizade

Planeta Terra

02.01.08, maripossa
id="BLOGGER_PHOTO_ID_5150993662364021346" />
O mundo caminha por caminhos tortuosos sem fronteiras.
Mas nem tudo está perdido,
sempre existe na humanidade grupos e
mais grupos de anjos abençoados em busca das soluções...
Tenhamos calma pois o que está escrito ninguém pode mudar,
muitos morreram e muitos ainda vão morrer,
mas é necessário por voltar o "ciclo"...
Ciclo energético de seres mais iluminados para abrandar a caminhada de muitos povos...
Creiam um dia esse planeta será de muita paz,
mas para isso terá que passar por muitas modificações necessárias para um "novo dia"..

Rabiscado por Agulheta

Tradições Ano Novo

02.01.08, maripossa

Algumas das tradições de Ano Novo, também datam de séculos como é o caso das Resoluções de Ano Novo, cuja origem recua mais uma vez à antiga Babilónia.
Se as resoluções genéricas dos nossos dias são coisas como deixar de fumar ou perder peso, nesses tempos, a mais comum era devolver os utensílios agrícolas pedidos emprestados ao longo do ano.

 

A tradição de usar um recém-nascido para representar o novo ano data da Grécia antiga. Começou em 600 DC, e nas celebrações oferecidas a Baco, o deus do vinho, era costume levar um bebé dentro de um cesto, em procissão, como representação do renascimento anual do Deus. Também para os antigos egípcios os bebés eram símbolos de renascimento.

 

Desde as primeiras celebrações do novo ano que se acredita que o que se faz no primeiro dia do ano vai influenciar todo o resto. Por essa razão, tornou-se comum celebrar os primeiros minutos do ano novo com a família e amigos e continuar a festa até ao raiar do dia do novo ano.

 

Também se acredita que o primeiro visitante do novo ano seria portador de boa sorte ou de azar para o resto do ano: era particularmente bom sinal se o primeiro visitante fosse um homem alto e moreno.

 

Reveste-se de especial significado o que se come nesta altura: em muitas culturas, tudo o que tiver a forma de uma argola é de bom augúrio, já que simboliza um ciclo de um ano.
Por essa razão, os holandeses não dispensam donuts no dia de ano novo.


Em muitas regiões dos EUA, os feijões e as couves são obrigatórias na refeição de ano novo, já que simbolizam prosperidade e boa sorte.
Em outras regiões, o arroz é o alimento que simboliza a boa sorte para o ano novo.

Novo Ano

01.01.08, maripossa

No começo deste Ano 2008,que ainda é uma criança chegando a casa a pouco tempo, não quereria deixar passar este principio de ano, sem fazer um pequeno post sobre o mesmo.
Como disse, cheguei a pouco logo me deu para ligar esta caixa virtual para deixar algo aos amigos, a minha presença na mesma, pois não terei tempo para comentar mas falarei um pouco, e será o primeiro post ,deste ano
Pois o Ano chegou bem, felizmente com saúde boa disposição alegria, a passagem de ano foi em casa de familiares, tudo coreu bem boa companhia se dançou um pouco, nos divertimos, o fogo na cidade foi bonito, em muitas freguesias, portanto a cidade em volta tudo eram foguetes, como aqui há muitos fogueteiros é muito apreciado o seu trabalho, as sirenes dos Bombeiros tocaram, havia revillions em muitos lados, aqui numa quinta era o ideal ! pois tinhas profissionais de danças e outras atracções, tive convite...mas não foi pois a minha família é mais importante, para conviver nestes dias, não gosto de sair de casa nestes dias, a não ser pontual, senão em casa estou melhor, nos divertimos a nossa maneira.

Agora neste espaço deixo, um pequeno apelo para a união da esperança, contra o ódio a intolerância a guerra a fome e descriminação ,vamos unir nossos corações pela PAZ

maripossa

Pág. 4/4