Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Vento de passagem

08.10.10, maripossa

Hoje me deixei levar pelo vento que assobiava ao passar nas árvores e gemia de dor.Levava a minha inquietude e voava como as aves que fugiam das árvores que habitam,vi folhas recalcadas sem ter onde se agarrar e lá continuava ele a assobiar.Passou rápido que nem deu pela minha saudade, e continuou sem rumo...ainda tentei perguntar,onde vais com tanta presa? Levou com ele os pensamentos, na força dele senti que o vazio se apoderou de mim,talvez a saudade,dos amigos...mas vou tentar esquecer este momento,fiquei com a simplicidade presente,a alma os sentimentos,mas mais do que tudo ficou o Amor.

 

Lisa 8/10/2010

 

6 comentários

Comentar post