Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Maripossa

Tudo que tem asas deve voar,por isso a borboleta selvagem o faz sem nunca olhar para onde.

Vindima do Olhar

01.10.12, maripossa

Primeiro dia de um mês, onde cheira a vindima e mosto,

suor e desgosto no rosto.
o coração sente uma amarra, e o grito amordaçado,
nem o cantar na vindima anima os corações tristes,
e maltratados  da alma de um povo.
Que gostava de cantar ao som da concertina,
onde tudo era partilha até os olhares,
continua vazio e sem esperança,
onde no lagar da vida,cada toque
é um sofrimento,sem alento para continuar.

 

 

Lisa 1/10/2012


2 comentários

Comentar post